7 maneiras para incentivar o registro de ponto correto

//7 maneiras para incentivar o registro de ponto correto

7 maneiras para incentivar o registro de ponto correto

By |2018-08-10T11:31:43+00:0011/03/2018|Gestão de Pessoas|0 Comments

Para ter maior controle dos funcionários, principalmente os que trabalham no campo, é fundamental estimular a equipe para fazer o registro de ponto correto. Afinal, a sua empresa pode ser prejudicada — uma vez que esse procedimento é previsto em lei.

No entanto, muitos têm um certo tipo de resistência quanto à adoção de novas tecnologias. Nesse caso, como fazer para reverter a situação? Impor a obrigatoriedade do registro não parece uma boa ideia.

Em vez de agir como um chefe que determina uma ordem, seja líder: faça com que o grupo perceba o quanto isso é vantajoso para ele também. Dessa forma, você vai conseguir otimizar a gestão de pessoas de uma maneira muito mais eficiente. Acredite!

Para ajudá-lo nessa missão, preparamos este post com as principais dicas para você promover a cultura do ponto digital. Continue a leitura.

1. Explique os benefícios de usar o registro de ponto correto

Quem marca os horários de entradas e saídas registra o tempo diário de trabalho pelo qual foi contratado a cumprir. Essa ação simples dispensa perda de tempo com solicitação de aprovações, correção de erros ou impressão de documentos.

O empregado pode justificar ausências com anexos, como atestado médico, por exemplo. Ele também recebe notificações caso se esqueça de documentar o horário ou se a jornada de trabalho estiver incompleta.

O controle eletrônico evita os erros comuns que acontecem no formato tradicional de registro de ponto, como relógio ou planilhas no Excel. Isso acontece por que as informações são salvas automaticamente no sistema de nuvem.

Ou seja, não precisa fazer backup, pois o armazenamento é totalmente seguro contra qualquer tipo de problema: extravios, enchentes ou incêndios.

Além disso, é possível destacar data e local do registro por meio de marcações em aparelhos móveis, como smartphones ou tablets. Ou seja, é um jeito prático e descomplicado de organizar a rotina.

2. Mostre a facilidade para calcular o pagamento das horas extras

Para o funcionário, realizar hora extra significa um acréscimo de salário que ajuda muito nas despesas pessoais. Ele pode usar esse dinheiro para se livrar de uma dívida, investir em algo ou, até mesmo, aplicar na poupança.

Então, deixe claro que o sistema é útil para memorizar o tempo de trabalho excedente com a mesma precisão de um computador. Assim, fica muito mais fácil receber os rendimentos sem depender de alguém que calcule à mão os valores corretos.

O sistema digital também ajuda na distribuição mais justa das atividades, pois mostra quem está disponível para se dedicar no tempo extra. Nesse sentido, ninguém fica sobrecarregado, pois as demandas são bem divididas.

3. Fale sobre o acúmulo de faltas por ponto não batido

O não registro de ponto implica em faltas. Sem o conhecimento de datas e horários, a empresa não tem como calcular salário integral, abono, adicional, férias, horas extras e outros benefícios.

Para não ser prejudicado injustamente, o colaborador tem que entender que essa ferramenta é, acima de tudo, uma enorme aliada no dia a dia da organização. Ela é responsável por coletar, interpretar e exibir os detalhes do tempo de serviço com total fidelidade.

4. Apresente o modo de geolocalização do funcionário remoto

Nem sempre o funcionário trabalha dentro de um escritório. Muitas vezes, é necessário que ele visite um cliente ou pratique qualquer atividade externa. Sendo assim, ele não precisa perder tempo e passar na empresa para registrar o ponto.

É possível fazer isso de qualquer lugar que ele estiver por meio de um dispositivo móvel. Sempre que o controle de ponto on-line é acessado, a localização exata é marcada pelo sistema. Essa tecnologia proporciona maior segurança tanto para o empregado como para o empregador.

5. Faça campanhas de comunicação interna, avisos etc.

Toda empresa, independentemente do tamanho, precisa facilitar as mudanças de comportamento da equipe. A busca por melhorias deve ser contínua. Uma das medidas para conseguir sucesso é criar ações de comunicação interna.

Essa é uma forma de promover um novo tipo de postura, um jeito diferente de agir. O ideal é desenvolver uma campanha duradoura, capaz de disseminar a cultura do registro de ponto. Isso pode ser feito com ajuda de avisos em murais, comunicados impressos, e-mails ou outro tipo de mensagens de texto.

6. Mantenha o entusiasmo e a motivação da equipe

É importante que todos vejam o controle de ponto como um recurso útil que ajuda a comprovar a prestação do serviço. Lembre-se de que as marcações dependem totalmente da contribuição do grupo.

Sem essa conscientização, as pessoas podem esquecer de registrar os horários. Em consequência disso, o setor de RH fica sobrecarregado com uma demanda que deseja consertar as coisas na última hora.

Por isso, entusiasmo e motivação são essenciais para otimizar o controle de entrada e saída. Quando a equipe está alinhada com os objetivos do negócio e ciente de que é responsável pelo sucesso dela mesma e da empresa, o cumprimento dos deveres acontece naturalmente.

7. Invista em programas de treinamento

A capacitação é o momento em que os trabalhadores participam de palestras e treinamentos sobre as especificações recomendadas na Portaria nº 1.510/09 que trata do sistema de registro eletrônico. É mais uma garantia de que todos entendam a importância de fazer o registro correto para que as informações processadas sejam verídicas.

A participação de um profissional qualificado oferece muitas vantagens, pois ele dá uma visão abrangente do novo sistema, faz com que o público interaja e tire possíveis dúvidas. É sempre bom se certificar de que as pessoas sabem operar um sistema que acabou de ser implantado.

Percebeu como incentivar o registro de ponto correto não é um bicho de sete cabeças? Mesmo que seja uma obrigatoriedade, essa atividade pode e deve ser vista como um enorme benefício para todos. Quando essa adaptação é bem-sucedida, os processos fluem melhor, você consegue reduzir a burocracia e melhorar a produtividade ao mesmo tempo.

Que tal fazer um teste gratuito do software de controle de ponto Tangerino? Basta preencher um cadastro rápido e pronto: experimente instalar um sistema que vai revolucionar a sua gestão para sempre!

Leave A Comment