Controle de horas extras: Plano de ação para a redução

/, Departamento pessoal, Todos os nossos artigos/Controle de horas extras: Plano de ação para a redução

Controle de horas extras: Plano de ação para a redução

controle de horas extrasQuando acontecem com muita frequência, as jornadas extraordinárias tendem a ser prejudiciais à saúde financeira da empresa. Para identificar e corrigir essa situação, é preciso realizar um bom controle de horas extras e melhor gerenciar a rotina de trabalho dos colaboradores.

O controle de ponto é  o que permite ao empregador desenvolver e colocar em prática um plano de ação para a redução de horas extras. Uma decisão que se reflete em uma gestão de pessoas mais eficiente, contribuindo para a produtividade e para os resultados.

Fase #1 do plano de ação: otimizando o controle de horas extras

Uma empresa que não utiliza um bom sistema de marcação de ponto, tende a enfrentar dificuldades para realizar o controle de horas extras. Isso porque irregularidades ou até a ausência de um registro confiável prejudica tanto o cálculo das horas extraordinárias quanto a análise da situação real e controle das horas trabalhadas.

Assim, o primeiro passo para o plano de ação pela redução de horas extras é assegurar que não haja fraudes na marcação de ponto e que os colaboradores se lembrem de realizá-las corretamente.

Sistemas de cartão de ponto manual ou mecânico são os mais tradicionais e também os que abrem brechas para esse tipo de problema. Por isso, é interessante que a empresa opte por uma solução eletrônica ou uma solução alternativa de controle de ponto digital, que é o caso de aplicativos de controle de ponto, como Tangerino.

Essas tecnologias são totalmente seguras e impedem fraudes e adulterações de dados. Além disso, quando se usa um app, é possível enviar avisos para que nenhum colaborador deixe de realizar suas marcações.

Fase #2 do plano de ação: analisando os dados das jornadas extraordinárias

controle de horas extrasUma vez que a empresa assegurou a confiabilidade no sistema escolhido para realizar o controle de horas extras, é momento de partir para a análise da situação.

Revise o volume de horas extraordinárias, a frequência que elas ocorrem, de qual setor ou equipe são os colaboradores que mais estendem sua jornada e o quanto a situação onera a folha de pagamento da empresa. Essas são algumas das questões a serem analisadas para embasar a tomada de decisões do plano de redução da quantidade registrada no banco de horas.

O uso de uma tecnologia como o Tangerino permite que o gestor acompanhe em tempo real a ocorrência de horas extras e possa entender porque estão acontecendo.

Além disso, a tecnologia torna mais fácil a conferência do total de horas extras de cada colaborador, o que favorece o planejamento do orçamento para o pagamento dessas horas adicionais de trabalho.

Assim, o controle de horas extras faz com que a empresa tenha clareza do quanto gasta e da dimensão da redução que precisa promover em relação aos gastos correntes e análise e decisão de investimentos para se manter financeiramente saudável.

Fase #3 do plano de ação: medidas estratégicas pela redução das horas extras

Com um controle de horas extras realizado com o auxílio de um software de controle de ponto, a empresa reúne informações que embasam ações estratégicas. Isso significa promover mudanças que corrijam problemas ou falhas que levem os colaboradores a estender suas jornadas de trabalho.

O já acompanhamento em tempo real torna possível ao gestor identificar quais colaboradores estão fazendo hora extra e solicitar que interrompam esse trabalho, o que também reduz a duração da jornada extraordinária.

Visando resultados mais significativos, a análise feita pode levar à adoção de medidas que melhorem a produtividade da equipe e de políticas internas que reduzam as horas extras.

Em alguns casos, o controle de horas extras indica que a contratação de mais colaboradores pode resultar em um custo-benefício mais interessante para reduzir esse tipo de jornada. Pronto para dar início ao seu plano de ação? Conheça mais sobre os benefícios do Tangerino e saiba como o app pode ajudar sua empresa na redução das horas extras!

One Comment

  1. JaneOliver 23/04/2017 at 16:20 - Reply

    Tenho esse problema na empresa que Trabalho, pois, nela surgem necessidades de colheita e embasamento de férias para atender clientes e às vezes além de passapassar semanas excedendo a carga horaria normal,precisamos contratar mão de obra,onde acaba gerando a necessidade de fazer horas extras em vários setores.

Leave A Comment