5 dicas para fazer a gestão de equipes externas de maneira eficiente

Início » Blog » Gestão de Pessoas » 5 dicas para fazer a gestão de equipes externas de maneira eficiente

5 dicas para fazer a gestão de equipes externas de maneira eficiente

Tempo de leitura: 3 minutos

As áreas comerciais contam com uma série de ferramentas de informação e comunicação que ajudam empresários e gestores a coordenarem as rotinas de trabalho. Assim, o uso das tecnologias digitais viabilizam a mobilidade corporativa, facilitando o controle de operações e transações feitas interna e externamente.  

Se você lida com a gestão de equipes externas, pode se perguntar: com tanta tecnologia disponível, qual delas oferece mais eficiência para o meu negócio?

Neste artigo, apresentamos cinco dicas que podem ajudá-lo a utilizar a tecnologia a favor da agilidade e produtividade no trabalho, principalmente dos colaboradores que atuam do lado de fora da sua empresa. Confira:

1. Acompanhe a jornada de trabalho  

Quando falamos de gestão de equipes externas, o acompanhamento da jornada de trabalho dos funcionários é um grande desafio. Além disso, o controle de ponto e a administração das escalas demandam muito tempo e atenção.

Uma solução é a substituição do ponto manual pelo ponto digital. Essa tecnologia garante a precisão dos registros de entrada e saída, sendo possível computar rapidamente informações como atrasos, faltas e horas extras, mesmo a distância.

2. Monitore o deslocamento

Você sabia que os aplicativos de localização podem auxiliar na gestão de equipes externas? O Tangerino, por exemplo, oferece o controle de ponto com GPS, que permite acompanhar a localização em tempo real de pessoas, equipes e entregas.

No caso das equipes vendas externas, os dados registrados oferecem informações sobre itinerários, imprevisibilidades do trânsito e o cumprimento dos horários de atendimentos e/ou entregas.

3. Mantenha bons canais de comunicação

Temos à disposição uma diversidade de canais de comunicação, que funcionam conectados ou não à internet. Na palma da mão, os aplicativos nos smartphones permitem o contato direto com as equipes de vendas externas.

É importante incentivar o uso dos canais de comunicação, mantendo-os ativos e atualizados.  Assim, é possível ganhar tempo no repasse de orientações, no retorno a dúvidas e na atualização de conteúdo corporativo.

4. Incentive o desenvolvimento da equipe

Uma das tarefas da gestão de equipes externas é acompanhar e avaliar o desempenho individual e da média geral do grupo. O gestor deve estar sempre preparado para identificar oportunidade de se alcançar melhores resultados de seu time comercial.

Uma dica é avaliar investimentos no desenvolvimento da própria equipe de vendas externas. Pense sobre cursos de capacitação sobre estratégias de vendas e atividades de reciclagem sobre o produto ou serviço negociado. Os treinamentos, inclusive, podem ser via internet, atingindo até aqueles que estão “espalhados” geograficamente.

5. Fique atento à legislação vigente

Ao seguir os quatro pontos anteriores (acompanhamento da jornada de trabalho, monitoramento do deslocamento, manutenção de bons canais de comunicação e o incentivo ao desenvolvimento da equipe) você vai conseguir obter dados que vão ajudá-lo a se defender em possíveis processos trabalhistas.

Estará tudo registrado e totalmente dentro da lei!

Como viu, são muitas as vantagens de se usar as tecnologias para a gestão de equipes externas e dos colaboradores que atuam fora da sua empresa.

Pronto para gerenciar equipes externas com mais precisão? Faça o teste gratuito do Tangerino e comprove as facilidades do aplicativo de controle de ponto número um do mercado!

Deixe um comentário