Entenda o ROI (retorno sobre o investimento) do ponto eletrônico

//Entenda o ROI (retorno sobre o investimento) do ponto eletrônico

Entenda o ROI (retorno sobre o investimento) do ponto eletrônico

By |2018-10-19T10:45:38+00:0005/04/2018|Gestão Financeira|0 Comments

A aquisição de um sistema de ponto eletrônico é sempre motivo de debate nas empresas, devido ao valor do investimento.

Se por um lado melhorar o controle da jornada de trabalho dos funcionários pode trazer maior produtividade e eficiência para o setor de recursos humanos, por outro, gera uma despesa que nem sempre é interessante para o caixa da organização.

Porém, existe uma vantagem pouco conhecida pelos empresários quando o assunto é a implementação do ponto eletrônico digital. Trata-se do ROI (retorno sobre o investimento).

Se você lida com finanças, sabe exatamente do que estamos falando. Então prepare-se para compreender o ROI do ponto eletrônico biométrico!

Ponto eletrônico digital gera retorno financeiro?

A resposta é sim! Entretanto, não é um ROI fácil de ser percebido, pois ele se apresenta em outras atividades que são impactadas pelo controle eficiente de ponto.

Isso quer dizer que você vai perceber os benefícios financeiros da aquisição de um sistema de ponto eletrônico no aumento da produtividade dos funcionários, na eficiência da contabilização das horas extras e faltas e também na redução de processos trabalhistas que questionam as horas efetivamente trabalhadas pelos colaboradores.

Além disso, com um registro de ponto eletrônico eficiente e integrado ao seu sistema de folha de pagamento, as rotinas de departamento pessoal ficam mais ágeis e eficientes, o que pode se refletir em uma equipe mais enxuta e estratégica na gestão de pessoas.

O ponto eletrônico digital também acelera a marcação de ponto, evitando filas e o pagamento de horas extras não trabalhadas. Afinal, passando aqueles 5 minutos de tolerância para mais permitidos por lei, você fica obrigado a pagar pelos minutos adicionais ou então liberar os funcionários para compensar banco de horas.

Como calcular o ROI do ponto eletrônico biométrico

Calcular adequadamente o retorno sobre o investimento em ponto eletrônico depende da coleta e análise de dados do setor de gestão de pessoas, portanto, é importante acompanhar a evolução de alguns indicadores.

Primeiramente, peça ao gestor de pessoas para levantar dados como:

  • Total de atrasos marcados mês a mês, somando quantas horas são perdidas mensalmente;
  • Tempo médio que cada colaborador leva para marcar o ponto;
  • Quantidade de erros de lançamento do ponto manual por mês, destacando os impactos financeiros dessas falhas, como pagamentos a maior ou menor;
  • Tempo médio despendido no fechamento do ponto a cada mês, bem como na integração desses dados com a folha de pagamento;
  • Quantidade de processos trabalhistas reivindicando pagamento de horas não contabilizadas no cartão ponto.

Contabilize as perdas financeiras geradas por esses processos e falhas, somando-as ao longo do último ano. Então compare esse montante ao valor que você irá investir no sistema de ponto eletrônico. Já dá para ter uma ideia de economia de recursos sem levar em consideração apenas o preço do ponto eletrônico? Mas não para por aí!

Depois da aquisição do software de ponto eletrônico

Como o ROI é um indicador passado, isto é, só pode ser calculado quando temos um histórico a analisar, você só terá condições de determinar o retorno sobre o investimento em ponto eletrônico depois da aquisição do equipamento.

É importante que todos os dados de produtividade, faltas, atrasos, entre outros, continuem sendo monitorados para fazer o comparativo com o cenário anterior.

Para determinar o ROI do ponto eletrônico, aplique a seguinte fórmula:

ROI = (RECEITA – INVESTIMENTO) / INVESTIMENTO

A receita é o quanto você deixou de gastar com o pagamento de horas extras, processos trabalhistas, atrasos e dispensas de funcionários, entre outros. O investimento, por sua vez, é o quanto você pagou pelo sistema de controle de ponto.

Obviamente, você não vai perceber um retorno sobre o investimento muito significativo já no primeiro mês, afinal, as pessoas estão se acostumando ao novo formato de controle de jornada.

Por essa razão é importante monitorar mês a mês os indicadores de gestão de pessoas e acompanhar a evolução do ROI do ponto eletrônico biométrico, assim como os dados de produtividade e eficiência da sua empresa.

Como otimizar o ROI do ponto eletrônico

Toda aquisição que sua empresa faz deve trazer um retorno sobre o investimento e potencializar sua capacidade produtiva e de geração de valor, caso contrário, trata-se de despesa.

Nesse sentido, também é preciso pensar em como otimizar o retorno sobre cada investimento, inclusive o ponto eletrônico digital. Em alguns casos, é possível fazer com que essa ferramenta se torne uma grande aliada do seu financeiro.

Uma excelente ideia é implementar sistemas de ponto eletrônico que permitam o registro de ponto online. Dessa forma, você abrange toda a empresa, desde os colaboradores alocados internamente até os que viajam constantemente, passando por aqueles que trabalham em home office.

Esse tipo de tecnologia traz mobilidade corporativa para sua empresa e torna mais fácil o controle de jornada, uma vez que os dados lançados no aplicativo de controle de ponto são transmitidos em tempo real para um sistema de gestão integrado à sua folha de pagamento.

Assim, é possível evitar a procrastinação de quem está fora da empresa, monitorar a produtividade dos funcionários e ainda ganhar eficiência no controle de ponto.

Além disso, não é preciso investir em relógios de ponto, pois o sistema é disponibilizado online para qualquer dispositivo mobile, como smartphones e tablets, reduzindo os custos de aquisição de tecnologia da companhia.

Uma solução de ponto eletrônico digital também permite que você pague somente pelo que realmente usa, o que contribui para a saúde financeira da empresa e para a otimização dos resultados. Seja com mais ou menos funcionários, sua organização sempre se mantém em dia com o controle de jornada de trabalho.

Finalmente, é possível otimizar o retorno sobre o investimento em ponto eletrônico à medida que você torna o processo de gestão da jornada de cada colaborador mais transparente.

Conforme a credibilidade da empresa cresce junto ao público interno, a retenção de talentos é favorecida e você deixa de ter o turnover impactando no seu fluxo de caixa.

Agora que você já sabe que o controle de ponto pode gerar receita para sua empresa, que tal experimentar uma solução inovadora no mercado? Conheça o Tangerino e aumente as chances da sua empresa se livrar de uma vez por todas dos custos de um controle de ponto ineficaz!

Leave A Comment