6 tipos de treinamento para alavancar resultados na empresa

Início » Blog » Gestão Empresarial » 6 tipos de treinamento para alavancar resultados na empresa

6 tipos de treinamento para alavancar resultados na empresa

Tempo de leitura: 6 minutos

Sua empresa investe na qualificação dos funcionários e quer diversificar os tipos de treinamento oferecidos para a equipe? Você chegou ao lugar certo!

Os investimentos em treinamento e desenvolvimento vêm crescendo nos últimos anos e apontam diversas tendências, como o maior foco no desenvolvimento de lideranças e equipes de vendas. Esse cenário traz à tona a preocupação constante das organizações em gerar melhores resultados, investindo não só na qualificação técnica, mas também na comportamental.

Dentro dessas duas grandes áreas (treinamento técnico e treinamento comportamental), encontramos vários tipos de treinamento que podem ajudar a diversificar sua abordagem e despertar mais interesse dos seus colaboradores. Que tal conferir quais são?

Como planejar um treinamento eficaz?

Antes de considerar os diversos tipos de treinamento que podem ser aplicados na empresa, é preciso fazer os preparativos. É planejando com calma que se escolhe o treinamento mais adequado para seus objetivos e também que se garante o sucesso dele entre os colaboradores envolvidos.

A primeira questão é definir o que se espera como resultado do treinamento. Existem situações em que ele é necessário para solucionar problemas internos, em que é preciso capacitar funcionários, motivar, trazer espírito de equipe para a organização, melhorar a comunicação, entre outros objetivos. É a partir dessa questão que o tipo de treinamento deve ser escolhido.

Em seguida, identifique qual é seu público-alvo: pode ser um setor, uma equipe, uma unidade ou toda a empresa. Essa segmentação permite oferecer treinamentos personalizados e com mais chances de aplicação prática por parte dos colaboradores.

A logística do treinamento também requer atenção, é preciso definir o local, providenciar o material necessário, convidar os participantes e encontrar o profissional mais adequado para ministrar o treinamento, seja ele no formato de workshop, palestra ou dinâmica de grupo.

O people analytics pode orientar o seu planejamento de treinamento, pois faz uso de dados comportamentais para identificar o perfil de cada colaborador.

Terminada a fase de planejamento, você pode partir para a seleção dos tipos de treinamento que serão aplicados na empresa:

Gamificação

Uma tendência é a gamificação nas empresas, treinamentos que utilizam métodos de jogos, como sistemas de pontuação e recompensas. Esse tipo de treinamento é eficaz porque motiva a interação entre os participantes e é uma atividade dinâmica, que desperta o interesse e a vontade de aprender.

A gamificação pode ser aplicada em treinamentos de todos os tipos e também ser usada como estratégia para ensinar algo novo aos colaboradores.

Ao tratar o treinamento como um jogo, a cada etapa o participante torna-se mais engajado e tem um rendimento melhor.

Para que esse método seja eficaz, é interessante dar feedbacks rápidos, indicando erros e acertos para garantir melhorias.

Treinamento com troca de papéis (job rotation)

O job rotation é um dos tipos de treinamento que possuem execução mais fácil dentro da empresa. Ele consiste em instalar uma rotatividade nas funções no quadro de pessoal, com o objetivo de que seus funcionários conheçam a empresa integralmente, não ficando restritos aos seus setores.

Não se espera que todos os funcionários dominem todas as atividades, apenas que tenham uma visão geral e percebam de que maneira o trabalho de um interfere no do outro.

Com a devida orientação, esse tipo de treinamento também tem a vantagem de promover a boa convivência, pois incentiva a troca de ideias e de conhecimento na equipe.

Treinamento On The Job

O treinamento On The Job é um dos tipos de treinamento que acontecem durante a rotina de trabalho na empresa. Ou seja, é quando o funcionário aprende na prática, realizando suas atividades sob supervisão. É muito usado em serviços de atendimento, como caixas de lojas ou vendedores, e também em programas de trainee.

Além de orientar para o trabalho e corrigir falhas, o responsável pelo funcionário em treinamento deve também fazer com que ele participe de reuniões, manifeste sua opinião e sinta-se motivado.

Muitas vezes, esse tipo de treinamento é utilizado para avaliar funcionários em período de experiência, pois é ótimo para identificar qualidades como a proatividade e a capacidade de assimilar tarefas.

Treinamento de liderança

Para formar líderes é necessário tanto o desenvolvimento de habilidades pessoais quanto o desenvolvimento de técnicas de trabalho. Por isso, entre os tipos de treinamento, o de liderança está entre os mais complexos.

Para começar, o líder precisa ser um colaborador motivado, capaz de lidar com pessoas e com grande conhecimento dentro do seu campo de atuação.

 

Leia também: Gestão de pessoas se constrói com liderança e motivação

 

Para criar um treinamento de liderança, é preciso descobrir quais são os pontos fortes do público-alvo e em quais competências é preciso investir.

Um bom treinamento de liderança, seja interno ou terceirizado, pode tornar a empresa mais produtiva, uma vez que líderes ajudam a solucionar conflitos, resolver problemas e motivar a equipe.

Treinamento comportamental

O treinamento comportamental é aquele que depende do perfil dos funcionários para ser desenvolvido. Após aplicar um teste na equipe, é possível dividir o grupo em 4 perfis diferentes, cada uma com suas qualidades e falhas.

Eles são: comunicador, executor, planejador e analista. Cada um deles responde melhor a um estilo de treinamento específico, independentemente dos objetivos da empresa.

Ainda que você já tenha o objetivo e o método de treinamento definidos, considere adaptar as atividades para o perfil predominante.

Enquanto algumas pessoas trabalham em equipe para alcançar resultados, outras são mais competitivas e preferem trabalhar sozinhas, enquanto outras preferem se aprofundar na teoria antes de agir.

Vale ressaltar, ainda, que o treinamento comportamental é fundamental na construção de equipes de alta performance.

Treinamento de comunicação

Como o próprio nome diz, o treinamento de comunicação tem o objetivo de tornar a comunicação dentro da empresa mais eficiente e fluída. Ele também permite um diálogo mais convincente com os clientes e um melhor relacionamento com fornecedores.

 

Dica: conheça o poder da comunicação interna no engajamento dos funcionários

 

São muitos os benefícios da empresa com um treinamento desse tipo.  Com uma comunicação melhor, sua marca é melhor representada, pois a partir dela os funcionários têm mais desenvoltura para falar em público e prestar atendimento.

Internamente, um treinamento de comunicação facilita a troca de informações entre os setores e faz com as reuniões sejam mais significativas, sem desvios do tema.

Treinamento motivacional

O objetivo do treinamento motivacional é tornar os colaboradores mais engajados e focados nos resultados da empresa. É necessário conhecer profundamente as pessoas para que seja possível identificar focos de desequilíbrio, saber em que setores ou tarefas há mais empenho e compreender o que motiva seus colaboradores profissionalmente.

Esse tipo de treinamento é indicado quando o rendimento cai ou quando os funcionários sentem-se estagnados na empresa.

É preciso mostrar que a organização valoriza o trabalho de cada um e dar chances de crescimento. Caso a queda nos resultados seja o resultado de problemas pessoais ou de conflitos internos, é preciso que o RH interfira antes do treinamento.

Quer saber como motivar sua equipe? Confira as dicas do RH do Tangerino!

Sobre o Autor:

Formado em Ciências da Computação e Pós Graduado na FGV, se destacou logo no início de sua carreira como Líder Técnico em projetos em fábricas de Software. Em 2007, mudou-se para Londres para atuar como Arquiteto Java na empresa Britânica Boltblue Corp. Na volta, fundou a Framework, empresa que vem se consolidando há 10 anos. Hoje ocupa a função de Diretor Executivo na Framework, e Tangerino (Startup criada com seus sócios).
Nosso site faz o uso de cookies e outros serviços de terceiros.
Para mais informações veja nossa Política de Privacidade.
Ok