Início > Departamento Pessoal > Day off: o que é e quais os benefícios para a empresa?
Departamento Pessoal

Day off: o que é e quais os benefícios para a empresa?

Tempo de Leitura: 12 minutos O day off é uma política adotada pelas empresas para valorizar os profissionais, concedendo folga aos funcionários em razão do seu aniversário, por uma meta alcançada ou até mesmo para utilização do banco de horas acumulado. Saiba como funciona essa estratégia! 

FotoPor: Jader Bastos 10 janeiro 2024 12 minutos
Tempo de Leitura: 12 minutos

Existem diversas formas da empresa valorizar seus funcionários e criar o engajamento deles com a organização. Dentre essas estratégias, uma das que mais têm sido utilizadas é a concessão do day off.

Trata-se de uma política em que o profissional ganha o direito a um dia de folga, sem desconto em seu salário, pelo fato de ter alcançado uma meta, por possuir um banco de horas a ser utilizado ou, o exemplo mais comum, pelo seu aniversário.

A implementação ou não dessa estratégia é definida pela empresa e, tanto o formato quanto as regras, devem ser conduzidas por ela. O fato é que a decisão por adotar essa ação pode trazer diversos benefícios para a organização e para o profissional também.

Para saber mais sobre a política de day off, neste artigo, você verá:  

O que é day off?

day off

O day off é um termo em inglês que, traduzido para o português, significa “dia de folga” ou “dia livre”. De maneira geral, no contexto organizacional, trata-se de um dia na rotina do profissional em que ele se ausenta do trabalho para descanso ou fazer o que deseja. 

Existem várias maneiras de se conceder o day off, por exemplo, após alcance de metas. Porém, o mais comum nesse contexto é a concessão do dia de folga em razão do aniversário do colaborador. Essa definição fica a critério da empresa.

Essa prática tem passado a acontecer cada vez mais dentro das empresas, como uma forma de proporcionar equilíbrio entre vida pessoal e profissional, o que gera qualidade de vida para as pessoas e acaba afetando no melhor desempenho no trabalho.

Para modernizar seu DP sem complicações, Sólides Ponto

Estratégias como essa, que visam preservar a saúde física e mental do profissional, têm sido mais adotadas pelas empresas, que já observaram que ações humanizadas são benéficas para o trabalhador e para a organização.

A possibilidade de poder aproveitar um dia de folga sem prejuízo na remuneração é um benefício para os trabalhadores, algo que tem baixo impacto e custo para a empresa. Além de ser uma forma de reconhecer o trabalho apresentado pelo colaborador.

Leia também:

Day off e folga é a mesma coisa?

A verdade é que o day off pode ser considerado um tipo de folga, já que permite ao trabalhador um dia de descanso, sem que seja prejudicada a sua remuneração por aquele dia de ausência.

No entanto, esse dia de folga possibilitado pelo day off é uma decisão da empresa, com o formato e as regras que ela definir, sendo que ela não é obrigada a implementar esse benefício.

Além disso, é importante esclarecer aqui que o direito à folga está presente na legislação trabalhista, sendo dois tipos, diferentemente do day off, que é uma política definida pelas empresas. 

O primeiro trata-se da folga por direito, ou seja, são os dias de descanso que os funcionários têm direito a tirar durante o mês de trabalho, também conhecidas como Descanso Semanal Remunerado (DSR).

Há ainda as folgas justificadas ou licenças, que são aquelas ausências que o trabalhador tem direito a tirar por algum motivo excepcional, como, por exemplo, uma doença ou falecimento de parente próximo, desde que sejam devidamente justificadas.

O que diz a lei sobre day off

dúvidas sobre registro de ponto

De maneira geral, o day off não está presente em nenhuma lei trabalhista ou legislação brasileira. O fato é que esse benefício é dado pela empresa de acordo com critérios definidos por ela mesma.

No entanto, é importante ressaltar que a legislação trabalhista aborda uma série de diretrizes e regras em relação a folgas, cumprimento de jornada de trabalho, férias e até feriados ou ponto facultativo.

Esses direcionamentos podem ser utilizados para que a empresa defina sua própria política de day off, estabelecendo as regras para a concessão desse benefício.

Por exemplo: o profissional deverá ter o seu day off exclusivamente na data do aniversário ou ele poderá negociar outro dia que seja mais interessante para ele e a empresa? 

Ou, então, em caso de aniversários que aconteçam aos sábados, domingos ou feriados, será concedido o day off nessa mesma data, independentemente de haver jornada de trabalho ou não para o trabalhador, ou poderá ocorrer em outro dia a ser combinado?

Questões como essas devem ser definidas pela empresa, se possível, adotando uma política flexível e que seja interessante para ambas as partes.

Aproveite a visita e confira alguns materiais ricos e gratuitos que separamos para você:

Quais os benefícios em implementar o day off na empresa?

Já é possível entender que o day off trata-se de uma estratégia que pode ou não ser adotada pela empresa. É uma política que tem o objetivo de beneficiar o trabalhador com um dia de descanso, que pode ser concedido por vários motivos.

O day off, além de trazer benefícios para o colaborador, também afeta positivamente a empresa. Pode parecer pouco, a princípio, mas é um ato de valorização do funcionário que, junto a outras ações, reforçam o compromisso da empresa com as pessoas.

É possível citar alguns importantes benefícios para ambas as partes, que acabam tornando a relação de trabalho mais leve, humanizada e respeitosa, para além do que estabelece a legislação. Veja abaixo alguns desses benefícios: 

Retenção de talentos

Sem dúvidas, o day off é uma importante estratégia de atração e retenção de talentos. Os profissionais buscam hoje por organizações humanizadas, que possuem estratégias e benefícios que valorizem o bem-estar das pessoas.

Já é comprovado que políticas flexíveis, que consideram a qualidade de vida e o equilíbrio entre vida pessoal e trabalho, são fortes atrativos para que os profissionais queiram se candidatar a uma vaga naquela empresa e permanecer nela para crescer.

Assim, o day off se caracteriza como um benefício que, junto a outras políticas voltadas ao profissional, tendem à retenção dos melhores talentos. Inclusive, quer saber mais sobre o papel do líder neste processo? É só apertar o play:

Maior Competividade de mercado

As empresas que almejam formar um time de sucesso precisam investir em políticas como a do day off. Junto a outros benefícios corporativos, esse “pacote” se torna um atrativo para que os melhores profissionais queiram fazer parte da equipe.

Uma empresa competitiva deve pensar em estratégias de atração e retenção de talentos, para que esses colaboradores se desenvolvam junto com a organização. O day off é um reconhecimento ao trabalho 

Melhoria no clima organizacional

Muito mais do que produtividade e resultados, as empresas devem buscar proporcionar um ambiente de trabalho acolhedor e positivo, em que sejam valorizados o bem-estar e a segurança dos profissionais.

O day off é um dos vários exemplos que contribuem para construção desse clima organizacional favorável e que, consequentemente, afeta no crescimento e nos resultados da empresa.

Aproveitando o assunto, um convite: quer saber qual é o passo a passo para fazer uma pesquisa de clima organizacional na empresa? É só conferir a publicação que fizemos sobre o tema e, claro, seguir o Instagram da Sólides Tangerino:

Aumento da produtividade

O day off contribui diretamente para o aumento da produtividade. Isso porque profissionais descansados e que têm tempo de se divertir, estar com a família e amigos tendem a entregarem mais qualidade em seu trabalho.

Isso quer dizer que, para estarem motivados e produzirem bons resultados, os funcionários precisam estar descansados, além de poderem ter tempo de convivência e relaxamento com amigos e familiares.

Melhoria do bem-estar do colaborador

O bem-estar no trabalho está ligado a uma série de fatores, como saúde física e mental, sentimentos de segurança e pertencimento dentro da empresa. Todas essas características são potencializadas quando há políticas de folgas e descanso.

A organização deve trabalhar para que a experiência do colaborador seja a melhor possível, mesmo com os desafios que são comuns no dia a dia da profissão e da empresa.

Como implementar o day off?

modelos de plano de carreira

Toda nova implementação de política dentro de uma empresa deve considerar diversos fatores, como cultura, recursos disponíveis, processos e fluxos que serão adotados, regras e critérios, qual setor ficará responsável, dentre outros.

Além disso, do ponto de vista da empresa, essas novidades devem ter seus propósitos organizacionais, fazendo parte da cultura da empresa e também estando de acordo com o negócio e o que ele busca no mercado.

Planilha de controle da escala de trabalho

Sempre importante ter em mente que o sucesso de uma nova estratégia organizacional depende do planejamento, da forma como será comunicada e também acompanhada, após sua implementação. Por isso, é preciso se atentar a alguns passos para o day off, veja: 

Atente-se à cultura organizacional

A cultura organizacional de uma empresa é fator chave para que novidades trazidas deem certo e sejam validadas pelos funcionários. Assim, antes da implementação de qualquer novo projeto, é preciso considera-la.

Dessa forma, deve-se entender quais são as dinâmicas da rotina da empresa, as expectativas que os funcionários possuem, a forma como eles geralmente recebem novas ações, como trabalham, seus principais desafios e demandas dentro da empresa.

A implementação do day off é algo que pode ser adaptado pela empresa, não sendo algo rígido. Por isso, conhecer essa realidade e leva-la em consideração é muito importante, para que a estratégia esteja alinhada aos valores e necessidades desse público.

Defina qual área será a responsável por essa política

quadro de pessoal

Geralmente, o Recursos Humanos é a área que cuida de políticas como essa, voltadas ao público interno. Mas é importante que haja o alinhamento com as demais áreas, considerando que aquele profissional estará ausente em um dia do ano.

Por isso, o RH deve estabelecer as diretrizes e realizar o acompanhamento da aplicação do day off na empresa, considerando fatores como a justificativa da falta para que o profissional não seja prejudicado financeiramente.

Isso requer, por exemplo, o alinhamento com o Departamento Pessoal, para abono desse dia de falta, além da necessidade da chefia do setor em que o funcionário trabalha estar ciente de que ele aproveitará seu benefício em determinada data.

Estabeleça regras claras 

Já deu para perceber que o day off é uma política que não possui regras e diretrizes fixas para todas as empresas. Elas podem ser ajustadas de acordo com a realidade de cada organização, respeitando a cultura dos funcionários e o modelo do negócio.

Por isso, nesse momento, é muito importante discutir todas as possibilidades e definir com clareza as regras e critérios para que essa política passe a valer e contemple todos os funcionários, considerando suas particularidades.

Dentre as várias definições que devem ser feitas, podem ser citadas algumas importantes em relação ao day off, por exemplo, em caso de aniversário:

  • quando a folga poderá ser concedida, se somente na data do aniversário, na semana ou até mesmo no mês);
  • de que maneira será feita essa solicitação, qual será o fluxo;
  • qual será o prazo para que essa solicitação seja feita;
  • caso o aniversário seja em um fim de semana ou feriado, como a empresa procederá;
  • se serão avaliadas faltas e atrasos como critérios para a concessão do benefício;
  • dentre outros.

A definição objetiva e clara desses critérios será fundamental para que a concessão desse benefício seja um sucesso, agradando os colaboradores sem afetar a rotina da empresa.

Trabalhe uma comunicação que valorize a ação e seja transparente

erros no DP

Uma comunicação transparente e que esclareça as dúvidas do profissional é muito importante no momento de implementar o day off. Mesmo sendo um benefício, algo positivo para o funcionário, ele precisa estar seguro sobre essa novidade.

Além da divulgação do benefício e das regras para sua concessão, também é o momento ideal para que a empresa aproveite a novidade para mostrar o quanto se importa com seu capital humano e como valoriza o equilíbrio entre trabalho e vida pessoal.

A valorização do profissional deve ser algo de destaque no momento da divulgação da nova política, daí a importância de uma estratégia de endomarketing, além dos critérios justos e bem colocados para que todos possam aproveitar o seu dia de descanso. 

Importante também estabelecer os canais de comunicação interna para que todas as dúvidas sejam esclarecidas e também sejam dados feedbacks, principalmente no início da divulgação da nova política, reforçando a abertura da empresa para o diálogo.

Monitore o andamento da política e avalie a necessidade de mudanças

Sempre que uma empresa traz para seus funcionários uma mudança, seja ela qual for, é importante estabelecer processos de monitoramento e acompanhamento para saber o que deve ser mantido ou alterado.

No caso do day off, mesmo sendo um benefício para os profissionais, é preciso monitorar como está sendo sua avaliação pelos funcionários, se os fluxos estão realmente funcionando e, a longo prazo, como a política afeta fatores como produtividade e satisfação.

A partir dessas avaliações, o RH, junto às demais áreas, terá condições de propor mudanças, se for necessário, sempre com o propósito de que essa política seja realmente positiva para a empresa e para os colaboradores.

Quais são os day offs mais comuns?

Como evitar doenças relacionadas ao trabalh

A empresa é responsável por conduzir a política de day off, já que não é uma diretriz presente na legislação trabalhista. Sendo assim, ela poderá fazer a melhor definição, considerando suas disponibilidades, objetivos e as necessidades dos profissionais.

Existem algumas maneiras de implementar o day off e, inclusive, a empresa pode optar por aplicar todas essas possibilidades juntas, se assim avaliar interessante para seus objetivos. O importante é estabelecer regras claras e acompanhar seu funcionamento. Veja:

Day off de aniversário

Essa é a forma mais comum e utilizada de se conceder o day off. Para o profissional, poder ter um dia de folga no seu aniversário é como um presente, seja para ele descansar ou para aproveitar e comemorar a data com amigos e familiares.

Há ainda as particularidades desse formato, por exemplo, quando o aniversário coincide com um fim de semana ou feriado. Daí a importância de se ter uma política bem definida, com critérios estabelecidos, para que o funcionário possa aproveitar em outra data. 

Day off por atingimento de meta

Nesse formato, a empresa poderá conceder o dia de folga seja por uma meta que foi colocada e alcançada ou também pela conclusão de um projeto com bons resultados. Essa é uma maneira de reconhecer o trabalho do profissional, gerando engajamento e satisfação.

As metas podem estar relacionadas, por exemplo, ao volume de vendas estabelecido, fechamento de negócio com algum cliente, apresentação de um projeto que solucionará uma demanda da empresa, dentre outras possibilidades. 

Day off para compensação de horas

A utilização do day off para compensar horas trabalhadas é um formato que possui regras estabelecidas pela legislação trabalhista. 

Isso porque o 5° artigo da CLT estabelece que a compensação do banco de horas no acordo individual de trabalho precisa ocorrer no período máximo de 6 meses. Além disso, para prazo maior que 6 meses, o sindicato da categoria deverá conduzir o acordo.

Considerando a lei, o RH deverá estabelecer na política de que maneira a empresa permitirá que o profissional utilize seus dias de folga que estão acumulados.

Para isso, algumas questão devem ser consideradas, dentre elas, o que acontecerá com os dias acumulados caso ocorra a demissão do profissional e até mesmo com qual prazo o funcionário precisa agendar sua folga. 

Quem tem direito a day off?

day off

De maneira geral, a princípio, todos os funcionários da empresa podem usufruir do benefício do day off. Aqui é importante reforçar que essa é uma política definida pela empresa e não se trata de uma regra presente na CLT.

Justamente por isso, cabe à empresa definir quais serão as regras para a concessão desse benefício e, a partir de então, poderão estabelecer aqueles profissionais que não terão direito a essa folga. Alguns exemplos de critérios que podem ser adotados são:

  • funcionários que estão há pouco tempo na empresa;
  • profissionais que estejam cumprindo período de experiência;
  • colaboradores que possuem uma determinada quantidade de faltas injustificadas ou atrasos;
  • trabalhadores em cumprimento do aviso-prévio.

É muito importante que, após definidas essas condições, elas estejam presentes na política de day off da empresa e todos os funcionários tenham acesso a essas diretrizes, estando o RH disponível para esclarecer dúvidas e até mesmo receber feedbacks dos funcionários.

Tire suas dúvidas sobre day off

Agora, que você já sabe tudo sobre o day off, como funciona, as vantagens e dicas para aplicar em sua empresa, reforce abaixo as principais informações e dúvidas sobre esse benefício empresarial:

O que é day off

O day off é um termo em inglês que, traduzido para o português, significa “dia de folga” ou “dia livre”. De maneira geral, no contexto organizacional, trata-se de um dia na rotina do profissional em que ele se ausenta do trabalho para descanso ou fazer o que deseja. 

Quando dar day off para um funcionário?

Existem várias maneiras de se conceder o Day Off, por exemplo, após alcance de metas. Porém, o mais comum nesse contexto é a concessão do dia de folga em razão do aniversário do colaborador. Essa definição fica a critério da empresa.

Quem tem direito ao day off?

Todos os funcionários da empresa podem usufruir do benefício do day off. Aqui é importante reforçar que essa é uma política definida pela empresa e não se trata de uma regra presente na CLT, por isso, podem ser estabelecidas regras que devem ser cumpridas. 

Tudo certo sobre day off?

ROL

O day off é uma forma eficiente e de baixo custo para que as empresas invistam na valorização e consequente satisfação de seus funcionários, que merecem um tratamento humanizado e com respeito.

O resultado desse e outros investimentos internos são profissionais com a saúde mental e física em dia, que reconhecem as políticas implementadas pela empresa e, consequentemente, são mais preparados, produtivos e prontos a crescerem junto ao negócio.

A valorização do colaborador reflete diretamente nos resultados da empresa, tornando-a mais competitiva, atraindo mais talentos e pronta para alcançar seus objetivos estratégicos no mercado!

Próximos passos…

Agora que você já sabe tudo sobre o day off, que tal dar o próximo passo em sua jornada e aprender a fazer uma gestão de escala eficiente? Além disso, fique de olho em nossas publicações e até a próxima!

A concorrência não chega nem perto: Sólides otimiza + de 50 processos do seu DP

Jader é analista de Departamento Pessoal na Sólides Tangerino. Atua em áreas contábeis e rotinas de Departamento Pessoal, sobretudo admissões, férias, rescisões, benefícios e consultoria de dúvidas trabalhistas. Representante em homologações sindicais e em clientes da contabilidade. Já esteve envolvido em ações e eventos de bem-estar de colaboradores e interações de RH. Além de ser especialista em sistemas de ponto, como a Sólides Tangerino. No blog da Sólides Tangerino, escreve sobre processos do Departamento Pessoal, como rotinas e estrutura do setor.

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado. Os campos com * são obrigatórios.

Artigos Relacionados