Controle de Ponto

Quer simplificar seu DP? É Sólides e Ponto!
1 2 3 10

Entender o que é o controle de ponto e seu papel no ajuste da jornada de trabalho é crucial para que um dos principais processos do DP funcione sem problemas.

Este instrumento é crucial para o fechamento da folha de ponto e, consequentemente, da folha de pagamento dos colaboradores.

Nem precisamos enfatizar como esse processo é primordial para evitar multas e indisposições com os colaboradores, não é mesmo?

Agora, compreenda mais sobre o controle de ponto e o seu papel para o bom funcionamento da empresa.

O que é Controle de Ponto?

O controle de ponto é o processo de documentação das horas de trabalho e assiduidade de um colaborador. Também chamado de controle de jornada, nele ficam registrados a hora de entrada, saída e pausas para alimentação e descanso.

Esse tipo de controle não só faz com que a empresa cumpra com suas obrigações legais (como falaremos no próximo tópico), mas também permite que os gestores tenham insights valiosos a respeito da gestão de pessoas.

Por exemplo, ao utilizar uma solução de controle de ponto que permite o acompanhamento de dados em tempo real, é possível identificar aquele colaborador que está sempre fazendo horas extras e remediar a situação, melhorando a experiência deste colaborador.

Resumidamente, o controle de ponto registra e oficializa a jornada de trabalho, permitindo que empresa e colaboradores tenham uma visão clara do banco de horas, e folha de pagamento.

Quais são as leis do controle de ponto?

Agora que você já entende o que é o controle de ponto, é importantíssimo se atentar ao que diz a lei para implementá-lo em sua empresa de acordo com a legislação vigente. Confira.

Atualmente, toda e qualquer empresa com mais de 20 funcionários deve adotar um sistema para acompanhar a jornada de trabalho. Isto está determinado pelo artigo 74 da CLT.

Contudo, isso não implica que empresas com até 20 colaboradores não possam realizar este processo. 

Este traz inúmeros benefícios para a empresa que realiza o pagamento sempre correto para seus trabalhadores e tem segurança jurídica, já que todas as jornadas estão devidamente registradas.

A CLT estabelece que o ponto deve ser registrado por meio de um sistema manual, mecânico ou eletrônico e a Portaria 671 surge para regulamentar os sistemas eletrônicos.

Confira sobre os tipos de controle de ponto nos próximos tópicos, agora, vamos compreender sua real importância.

Por que o controle de ponto é importante?

Existem inúmeros motivos para adotar um controle de ponto em sua empresa; com ênfase para os eletrônicos que trazem inúmeras vantagens quando comparados com os modelos tradicionais.

O primeiro motivo é estar resguardada quanto a processos trabalhistas, uma vez que todos os dados da jornada ficam devidamente registrados e são transparentes para os colaboradores interessados. 

Além disso, um dos principais objetivos das empresas também é reduzir os custos e erros operacionais, realizando os pagamentos de forma devida aos funcionários.

Outra motivação é auxiliar a gestão de pessoas; quanto mais dados os gestores e a equipe de RH tem, maior a sua capacidade de desenvolver ações que terão impacto direto na qualidade de vida no trabalho dos indivíduos;

Quais são os tipos de controle de ponto 

Existem três tipos de controle de ponto, os manuais, mecânicos e eletrônicos.

O controle manual trata-se de métodos mais arcaicos que consistem na utilização de livro de ponto ou fichas distribuídas pelo RH; outra forma comum é a utilização de planilhas eletrônicas.

Contudo, esses dados são facilmente fraudados, conferindo pouca segurança tanto para a empresa quanto para o colaborador. Por isso eles acabaram caindo em desuso mesmo entre empresas pequenas.

Já o controle de ponto mecânico utiliza o famoso relógio de ponto cartográfico e é justamente desde equipamento que vem o termo “bater o ponto”.

Certamente você já viu presencialmente ou em filmes aqueles relógios de controle de ponto onde o trabalhador insere uma ficha em seu nome no relógio e o mesmo imprime a hora.

Hoje em dia, a forma mecânica deu espaço para o controle de ponto eletrônico. Este normalmente toma duas formas, uma delas é o relógio com reconhecimento biométrico e a outra é o controle de ponto online.

O online é o mais eficiente dentre eles, uma vez que pode ser utilizado no computador ou mesmo no smartphone do colaborador, evitando as longas filas e ainda satisfazendo uma grande tendência do mercado, o home office.

Qual o melhor controle de ponto

O melhor controle de ponto é aquele que consegue se adaptar às suas necessidades, levando valor para o seu negócio e auxiliando gestores e RH ao lidar com a rotina dos colaboradores.

Neste sentido, as opções de controle de ponto eletrônico são ideais para qualquer empresa, seja ela um pequeno negócio ou uma multinacional.

O Sólides Tangerino é uma plataforma completa que vai muito além do registro de ponto, gerando indicadores e relatórios sobre a jornada e ainda realiza de forma automatizada os cálculos relativos a banco de horas e horas extras.

Assim, o RH e DP ficam livres para trabalhar em questões que são realmente estratégicas para a empresa e deixam de lado o trabalho mecânico de tratar inúmeros dados em planilhas ou softwares diversos.

Concentre tudo isso em uma só solução, contrate os módulos que fazem sentido para você no momento e ainda conte com um super suporte para implementar tudo!

Tire suas maiores dúvidas sobre Controle de Ponto no Blog da Sólides Tangerino

Ficou curioso para aprender mais a respeito sobre o controle de ponto e todas as vantagens que a Sólides Tangerino traz para a sua empresa?

Confira os nossos principais textos sobre o assunto e não deixe seus estudos pararem aqui.