Blog

Case da BHS: Como Melhoramos a Rotina do DP com o Controle de Ponto

Tempo de Leitura: 5 minutos O Tangerino ajudou a empresa BHS a instalar a gestão de ponto de forma completamente personalizada, respeitando o acordo coletivo, otimizando processos e facilitando a tomada de decisão.

POSTADO EM: 29 junho 2021 Atualizado em: 28 dezembro 2021 TEMPO DE LEITURA : 5 minutos FotoPOR: Leonardo Barros
Início > Cases de Sucesso > Case da BHS: Como Melhoramos a Rotina do DP com o Controle de Ponto
Tempo de Leitura: 5 minutos

Realizar o gerenciamento da rotina de trabalho de dezenas de colaboradores não é uma tarefa simples, ainda assim, rara é a empresa que não tem como objetivo melhorar a performance.

Esse foi um dos benefícios mais notáveis para a BHS depois de aderir ao sistema de controle de jornada de trabalho do Tangerino.

Mas como exatamente nossa ferramenta realizou isso? Neste case da BHS, você compreenderá um pouco mais sobre quem é essa importante empresa, quais seus principais desafios de gestão e como o Tangerino ajudou a superá-los.

Quem é a BHS

A BHS é uma empresa de TI, atuando, mais precisamente, em estratégias de TI, desenvolvendo e adaptando soluções para resolver até os problemas mais complexos dos seus clientes.

Aqui no Tangerino estamos sempre falando sobre transformação digital e como isso vem redesenhando os negócios do século XXI. 

A BHS, assim como nós, sabe que a modernização dos processos é importante para alcançar melhores resultados.

A empresa fica situada em Belo Horizonte e conta com cerca de 230 colaboradores que utilizam a nossa solução de controle de ponto.

Essa gestão inteligente tem sido primordial para a empresa, uma vez que todos os colaboradores estão operando em home office e existe ainda uma parcela desses colaboradores que atuam alocados nas empresas dos clientes da BHS.

Case de Sucesso Microcity

Compreenda, neste case da BHS, as principais questões que motivaram essa empresa de tecnologia a contar com o Tangerino e as facilidades que oferecemos a eles.

Aproveite que está por aqui e leia também:
👉 Tudo que você precisa saber sobre a gestão de ponto
👉 Controle de ponto na jornada mista: veja por que adotar!
👉 Controle de ponto para pequenas empresas: veja 6 motivos para investir
👉 Biometria facial: o que é essa tecnologia que revolucionou a marcação do ponto

Os desafios da BHS e como o Tangerino ajudou a superá-los

Case da BHS

A gestão de pessoas, por si só, traz inúmeros desafios, não importa o tamanho da sua empresa.

Assim, contar com ferramentas inteligentes é a melhor forma de otimizar processos e garantir que todas as informações trocadas internamente sejam, de fato, verdadeiras.

Entenda como otimização e transparência são temas centrais nesse case da BHS.

1. Melhoria de processos internos

Muitas empresas, antes de digitalizar os seus processos, precisam lidar com o fechamento de folha, assinatura de folha de ponto, registro de atestados médicos, entre diversas outras atividades.

A BHS, antes de digitalizar os processos do setor de Recursos Humanos e Departamento Pessoal, precisava fazer tudo isso manualmente!

Fazíamos os lançamentos manualmente e o maior desafio era o tempo despendido para o preenchimento dos campos tanto pelo colaborador quanto por nós que fazemos a gestão de ponto. Além disso, tínhamos também que levar os dados do manual para o digital para, então, fazermos as contas de bancos de horas, de saldo positivo ou negativo do colaborador etc.”

Deborah Cristina Ferreira dos Santos, Analista de Departamento Pessoal

Hoje, os processos internos são automatizados, não sendo mais necessário lidar com folhas de ponto e a digitalização dessas informações. Ações que desperdiçavam o tempo do DP.

Não somente, o fechamento da folha de ponto na BHS, muitas vezes, está intimamente ligado aos serviços prestados por colaboradores alocados. 

Assim, ter acesso fácil aos dados da jornada de trabalho permite que não só o DP possa agilizar suas tarefas, mas também outros departamentos como o financeiro.

2. Personalização da ferramenta

O case da BHS nos mostra que, como qualquer outra empresa, ela é um mundo à parte. Especificamente, a empresa conta com um acordo coletivo que impõe regras bastante particulares para a gestão do ponto e horas extras.

Dessa forma, a empresa de TI precisou de personalizações específicas para que conseguisse utilizar o Tangerino, algo que não conseguiu com outras soluções.

Trocamos de fornecedor por conta das parametrizações que precisávamos em razão da nossa convenção coletiva, e o nosso antigo fornecedor não conseguia nos atender. Já com o Tangerino foi possível parametrizar o sistema de acordo com as exigências da nossa convenção.”

Deborah Cristina Ferreira dos Santos, Analista de Departamento Pessoal

O Tangerino conta com uma equipe de onboarding para ajudar cada cliente nos primeiros meses de implementação da ferramenta. 

Entendemos que cada empresa é um mundo e deixamos a ferramenta do jeito que o negócio precisa.

3. Transparência com os colaboradores

Um dos grandes problemas de empresas que contam com sistemas arcaicos é a falta de transparência com os seus colaboradores, o que também podemos chamar de transparência em tempo real.

Imagina só um colaborador precisar esperar até o fechamento da folha de ponto para ter acesso ao balanço do seu banco de horas. 

Os profissionais da BHS não demoraram a notar as vantagens de utilizar um sistema de ponto inteligente como o Tangerino.

O feedback dos colaboradores foi positivo, principalmente em relação à solução anterior. Eles acharam mais claro, e depois que vocês desenvolveram a visualização do banco de horas direto no aplicativo, que foi uma demanda nossa, eles elogiaram mais ainda. De modo geral, os colaboradores são bem felizes com o Tangerino por terem acesso às informações.”

Bárbara Rayane Damaceno Souza, Analista de Departamento Pessoal

4. Tomada de decisão baseada em relatórios atualizados

Hoje em dia, tudo acontece muito rápido e gestores precisam tomar decisões que impactam diretamente na produtividade de suas equipes e, consequentemente, no resultado da empresa.

Nós levamos isso em consideração e oferecemos todos os dados em tempo real para gestores e colaboradores que precisem consultar alguma informação.

Hoje, a BHS trabalha com banco de horas e as horas extras são pagas de acordo com a solicitação dos colaboradores. Então, até mesmo essa prestação de contas para o colaborador, o cliente e a BHS é mais fácil, porque temos acesso aos dados em tempo real.”

Deborah Cristina Ferreira dos Santos, Analista de Departamento Pessoal

Além de toda a solução ser pensada para oferecer dados em tempo real, existem também diversos relatórios que ajudam na hora de tomar decisões devidamente informadas, colocando um fim na era do achismo em sua empresa. 

Hoje, utilizamos o Tangerino para gerar relatórios de acompanhamento semanal de banco de horas, sintético, por atestado, por licença, por compensação, assinatura digital etc.”

Bárbara Rayane Damaceno Souza, Analista de Departamento Pessoal

5. Segurança e home office

Bater o ponto remotamente foi algo novo para BHS durante a pandemia de covid-19. 

Repentinamente, 230 colaboradores precisavam registrar sua jornada de trabalho e, até encontrar uma solução adequada, era necessário pensar em uma logística para que um motoboy levasse a folha de ponto na casa de cada um dos colaboradores.

Sabemos que times remotos serão cada vez mais comuns, assim, também pensamos na segurança tanto para as empresas quanto para os colaboradores na hora de assinar a folha de ponto.

Isso é algo que veio com a pandemia, mas vai ficar para sempre, que é a praticidade da assinatura digital da folha de ponto.”

Deborah Cristina Ferreira dos Santos, Analista de Departamento Pessoal

Mas a segurança não para por aí! A nossa solução foi pensada para que empresa e colaborador possam ter transparência sobre os dados de jornada de trabalho, e isso é muito importante para a BHS.

Tendo em vista os processos internos da empresa, a grande melhoria foi ter uma gestão de ponto e banco de horas. Temos clareza e precisão nos dados da jornada de trabalho e isso nos deixa mais confortáveis em termos trabalhistas, jurídicos… Ambos os lados têm completa certeza de que está tudo certo quanto aos pagamentos de rescisões ou de horas trabalhadas, e isso traz uma segurança muito grande.”

Deborah Cristina Ferreira dos Santos, Analista de Departamento Pessoal

O case da BHS despertou sua curiosidade sobre como o Tangerino pode ajudar a sua empresa na gestão de pessoas? Faça o teste grátis da ferramenta por 14 dias e seja o nosso próximo case de sucesso!

Conheça o novo Módulo Gestão de Férias

Foto: Leonardo Barros
Leonardo Barros

Leonardo é pós-graduado pela PUC Minas em Ciências da Computação. Formou-se em Inovação e Empreendedorismo pela Universidade de Stanford. Ao longo de sua vida, fundou empresas de tecnologia e gestão, como as startups Tangerino, Argos e Columbus. É CEO do Tangerino, empresa de inovação tecnológica nos processos de Departamento Pessoal e recentemente vendida para a Sólides, maior e mais completa RHTech do Brasil, da qual também se tornou sócio.

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado. Os campos com * são obrigatórios.

Artigos Relacionados

[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[EBOOK]
[EBOOK]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[GUIA]
[GUIA]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[Guia]
[Guia]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]