Tempo de Leitura: 6 minutos

Investir em uma cultura de aprendizagem dentro da organização é essencial, afinal, somente com técnicas, ferramentas e jornadas de educação é que se torna possível desenvolver colaboradores e equipes.

Uma organização com cultura de aprendizagem é muito mais do que um local com treinamentos no calendário, mas sim com ações, objetivos e acompanhamentos para que a cultura organizacional gire de fato em cima de competências e conhecimento.

Você sabe o que é a cultura de aprendizagem? Veja a seguir dicas de como desenvolver em seu ambiente!

Navegue pelos tópicos deste artigo:

O que é a cultura de aprendizagem?

cultura de aprendizage

A cultura de aprendizagem dentro de um negócio acontece quando ações e práticas são desenhadas para o desenvolvimento da empresa e dos colaboradores em suas rotinas de trabalho. Por isso, está bastante atrelada à cultura organizacional.

A cultura organizacional de um negócio vem de um conjunto de hábitos, atitudes, crenças, políticas, regras e valores. Ter a educação como um dos pilares, ou seja, implementar uma cultura de aprendizagem, faz toda a diferença para o crescimento saudável das pessoas, dos setores, da empresa e de seu negócio.

Dito isso, podemos dizer que uma cultura de aprendizagem é aquele ambiente que valoriza a constante aquisição de conhecimento, por quaisquer técnicas e formas que eles aconteçam.

Trabalho Remoto

Como exemplo, podemos citar:

  • treinamentos;
  • conversas;
  • eventos;
  • mentorias;
  • trocas;
  • outras possibilidades de aprendizagem formal ou informal.

Ter uma cultura de aprendizagem é muito mais do que ter algumas ações definidas em calendário. Requer mudança de pensamento e práticas para que a educação seja de fato um pilar que sustenta a estratégia e não apenas uma possibilidade dentro da rotina.

Aproveite para se aprofundar nesses temas relacionados à cultura organizacional:
👥 Culture Code: Qual a Importância de ter um Código de Cultura na Organização?
👥 Fit Cultural: Por Que se Atentar no Momento do Recrutamento e Seleção
👥 Capacitação Interna: Investindo em Sua Equipe
👥 Gestão de Talentos: Entenda Esse Conceito e Comece a Colocar em Prática na Sua Empresa

Por que investir em cultura de aprendizagem?

Ter uma cultura organizacional voltada para aprendizagem dá muitos benefícios para os negócios, especialmente em um mundo tão impactado pela transformação digital, que demanda diversas novas características de colaboradores e talentos.

Seja para gestores ou para colaboradores, ter a educação corporativa como prioridade do negócio grandes diferenciações e resultados práticos, como:

Possibilita a inovação constante

Se os colaboradores estão em aprendizado contínuo e são incentivados a crescerem e buscarem novas formas de trabalho, é evidente que a inovação vai surgir de forma mais rápida e constante.

Com capacitação, as pessoas se sentem mais seguras para expor suas ideias e para propor novos modos de trabalho. Sem dúvidas, grandes soluções podem surgir durante as rotinas.

Atrai e retém talentos

Ao estar em um ambiente de constante inovação e aprendizagem, é natural que os talentos queiram seguir em crescimento em suas funções e aptidões. Por isso, a retenção de talentos tende a crescer pois elas se identificam com a cultura de valorização e educação.

Mais do que isso, a cultura de aprendizagem auxiliar na construção de employer branding. Com isso, outros talentos do mercado passam a enxergar o valor do negócio e se interessam por fazer parte do quadro de colaboradores do negócio.

Veja mais dicas sobre retenção de talentos nesse episódio do Tangerino Talks:

Proporciona maior eficiência e trás resultados

Com pessoas cada vez mais capacitadas, os processos e tarefas passam a ser revisitados e aprimorados constantemente. Dessa forma, é possível diminuir e até eliminar os erros, tomar mais estratégias com base em produtividade. Com isso, o resultado é que haverá resultados melhores e eficiência dos times.

Como investir em uma cultura de aprendizagem na organização?

Agora que você já sabe mais sobre o que é a cultura de aprendizagem e conhece alguns dos seus, é importante planejar ações de implementação.

É claro que uma cultura não nasce do dia para a noite. É preciso pensar em ações que façam sentido para os colaboradores para que exista engajamento.

Lembre-se que investir em educação organizacional é muito mais do que definir algumas ações mensais. É preciso fazer o devido acompanhamento, assim como identificar possibilidades de crescimento e estabelecer uma jornada estruturada para seus talentos.

Para te ajudar, reunimos algumas ações que fazem toda a diferença para que a aprendizagem e educação façam parte de sua organização. Acompanhe!

Promova a gestão do conhecimento

Muito mais do que treinamentos, a gestão do conhecimento é uma série de práticas para que a organização capte, repasse, organize, gerencie e transfira conhecimento entre os colaboradores.

Ao estruturar o conhecimento, ele deixa de ficar na mão de alguns e passa a ser bem de todos da organização. Portanto, olhar para ele como uma estratégia é essencial.

Contratação de Colaboradores na Quarentena

Incentive a troca e comunicação

O compartilhamento de informações e conhecimento ocorrem de diversas maneiras. Por exemplo, treinamentos, workshops, e até mesmo nas conversas de corredor e no café da tarde dos colaboradores.

Em um momento de home office ou trabalho híbrido, é importante que a comunicação seja ainda mais estimulada para que os talentos se mantenham em contato uns com os outros, mesmo com a distância física.

Incentivar trocas, eventos, rodas de conversa, ferramentas e ações internas é crucial para que as pessoas se mantenham engajadas entre si e façam as informações rodarem nas diferentes frentes do negócio.

Permita ao colaborador aprender além do cargo atual

Muitas empresas limitam o aprendizado dos colaboradores por acreditar que eles só precisam de alguns conteúdos para suas rotinas e isso é um grande erro.

Há empresas, por exemplo, que incentivam os colaboradores a escolherem cursos de acordo com sua atuação e arcam com isso. Mas é possível incentivar o aprendizado de várias formas. O importante é ter mente que esse estímulo – em qualquer que seja sua área – é crucial.

Em uma cultura de aprendizagem a premissa é que qualquer aprendizado é útil e ele sempre poderá valer em algum momento da sua vida ou carreira. Ter tato para isso com os talentos faz toda a diferença.

Quer se aprofundar ainda mais em indicadores e estratégias que ajudem a promover saúde organizacional? Confira esse vídeo da série Me Explica Aí do canal do Tangerino no Youtube:

Acompanhe as lideranças

Os líderes são exemplos e divulgadores da cultura da empresa e é essencial que eles estejam alinhados e incorporados a ela. Muitas empresas deixam os líderes de lado e não investem em treinamentos para eles, o que é um grande erro.

É preciso ter jornadas para o desenvolvimento de liderança e incentivar o aprendizado e crescimento contínuo em coordenadores e gestores para que elas sejam capazes de repassar a cultura de aprendizagem para seus subordinados.

Permita o erro

Existem organizações em que há baixa tolerância aos erros e os colaboradores sentem medo de arriscar por não aceitarem errar em suas posições. Em uma cultura de aprendizagem isso não pode ocorrer. O erro deve ser visto como oportunidade para o aprendizado dentro do negócio.

Dê feedbacks

Uma cultura de aprendizagem está diretamente ligada à prática de dar feedback. Como falamos no tópico anterior, é preciso ter tolerância aos erros, mas isso não significa deixar que eles aconteçam apenas.

É essencial dar feedbacks para as pessoas, mostrar o que está dando resultado ou não, pontuar erros e melhorias e dar oportunidades para que o aprendizado continue de forma constante.

Tenha ferramentas de aprendizagem

Para investir em uma cultura de aprendizagem é essencial dar ferramentas para os times e, por isso, investir em plataformas de educação, como a tecnologia LMS, gamificação, microlearning e outras técnicas faz toda a diferença.

O acesso à plataformas de aprendizado faz com que os times se engajem, podendo se conectar de onde estiverem e quando for mais pertinente. Isso faz com que a cultura seja inserida dia a dia no negócio.

Separamos alguns materiais ricos que podem te auxiliar na construção e manutenção da cultura organizacional:
📚 Educação corporativa: tudo que você precisa saber sobre o assunto
📚 Entendendo e construindo uma cultura organizacional forte: o guia definitivo
📚 EMPLOYER BRANDING: Veja como cultivar sua marca empregadora e atrair os melhores talentos!
📚 Guia: como engajar colaboradores para diminuir as taxas de absenteísmo e turnover?

Conclusão

Ficou claro que a cultura de aprendizagem permeia a organização em diversas camadas e as impacta de forma positiva.

Vimos que o aprendizado, ainda que individual, auxilia na integração dos times, cria um ambiente favorável para trocas e promove da inovação. São benefícios indispensáveis para empresas que visam aprimorar seus resultados e reter talentos.

O quanto a cultura de aprendizagem é realidade dentro de sua organização?

Agora você sabe um pouco mais sobre ela, aproveite seus benefícios! Comece a refletir sobre as ações que podem ser tomadas em sua estrutura.

Para ter um caminho ainda mais simples e com resultados, baixe o infográfico da Engage com 8 passos para implementar sua cultura de aprendizagem!

Esse blog post foi desenvolvido em parceria com a Engage.

Conheça o Kit de Férias