Tempo de Leitura: 14 minutos

Comunicação corporativa é a forma como a empresa se posiciona interna e externamente, que deve refletir a unicidade da marca.

Trabalhar nela é muito importante porque impacta na forma como a empresa é vista por todas as partes interessadas nela.

Continue acompanhando este artigo para compreender o que ela é e detalhes relevantes para aplicá-la em sua empresa!

O que é comunicação corporativa?

comunicação corporativa

Comunicação corporativa é aquela feita por uma empresa interna ou externamente, envolvendo uma série de ações estratégicas que visam transmitir mensagens com eficiência.

Ou seja, é a comunicação que se direciona aos colaboradores, mas também aquela focada nos clientes, fornecedores, investidores e no público geral.

A forma com que uma empresa se comunica é única e deve transmitir seus valores, seu tom de voz, qualquer que seja o objetivo.

Além disso, ela deve colaborar com a construção da imagem da empresa, por isso deve ser assertiva, precisa e eficiente. Isso porque a forma como a empresa se comunica impacta diretamente em como ela é percebida por quem está recebendo a mensagem.

Calendário de RH e DP 2024, datas de pagamento de salário, prazos eSocial e DARF, recolhimento de FGTS e INSS, lembretes de ações de endomarketing e muito mais! Garanta efetividade e organização agora!

Seja qual for a sua finalidade, transmitir mensagens internamente ou educar o seu público, é preciso que a empresa adote estratégias para fazer isso de forma consistente.

Primeiro, é necessário conhecer o público que receberá a mensagem, para estabelecer com ele uma conexão mais profunda. Por exemplo, por meio da linguagem, das imagens e dos meios de comunicação utilizados.

Depois, elabora-se a mensagem e escolhe-se os canais de comunicação ideais, bem como as ferramentas mais adequadas para cada caso. Em seguida, vem a divulgação.

Mas a comunicação corporativa não para por aí: o receptor da mensagem responderá a ela. Por isso, é preciso que a empresa saiba receber feedbacks e entenda como utilizá-los para otimizar esse processo.

A comunicação corporativa é muito importante porque, em se tratando da comunicação externa, ela transmite os valores da empresa e cria proximidade com o público geral.

E, em se tratando da comunicação interna, ela possibilita maior alinhamento da equipe, compreensão de regras e do funcionamento da empresa.

Portanto, uma boa estratégia de comunicação faz parte do crescimento do negócio e da construção da marca.

Leia também:

Qual a importância da comunicação corporativa?

comunicação corporativa

Através da comunicação corporativa, uma empresa se posiciona diante do mercado e de seus colaboradores. Ela engloba todo o contato que a empresa terá com as pessoas, portanto, é sua forma de se relacionar com elas.

Informações precisas alcançam seu objetivo, evitando confusões, e não dão margem a erros de interpretação, por isso a comunicação deve ser pensada para ser eficiente.

Abaixo, listamos algumas das funções da comunicação em uma empresa, com os motivos pelos quais trabalhar nela é tão importante. Acompanhe:

Posicionamento de marca

A comunicação da empresa transmitirá quem ela é enquanto marca, seu posicionamento diante do público, seus valores. Ou seja, é através dela que a empresa se faz reconhecida e cria uma identidade sólida, sendo parte importante da construção da marca.

Por meio dela, é possível transmitir mensagens com eficácia para o público-alvo, qualquer que seja o canal de comunicação escolhido. E isso é fundamental para que a empresa se faça memorável.

Identidade corporativa e organizacional  

Comunicação corporativa é a forma que a empresa tem de se apresentar, de se diferenciar diante do mercado.

Isso vale tanto para o público externo (identidade corporativa), como para o interno (identidade organizacional). Afinal, não se pode esquecer que os colaboradores fazem parte ativa do sucesso da empresa.

O tratamento dado a eles pode ser o diferencial que os fazem ficar, reduzindo os índices de rotatividade. É importante que eles estejam informados sobre as estratégias da empresa e estejam alinhados com seus valores. Assim, eles defenderão a empresa para clientes e perante o público geral.

Além disso, a comunicação assertiva pode contribuir para a atração de novos talentos, que buscam empresas de melhor reputação no mercado, para construir sua carreira.

Aproveitando o bate-papo: quer saber como desenvolver uma boa cultura organizacional na sua empresa? É só assistir ao vídeo que preparamos sobre o tema:

E para ter acesso a mais conteúdos incríveis como este, não se esqueça de se inscrever no canal da Sólides Tangerino. Nos vemos por lá!

Responsabilidade social (RS)

Por meio da comunicação corporativa, a empresa pode demonstrar ao público os compromissos com causas de impacto social.

Isso é muito importante porque, atualmente, as pessoas se preocupam cada vez mais com a responsabilidade social das organizações. Muitas preferem, por exemplo, comprar daquelas que têm compromisso com a sustentabilidade.

Outras avaliam a participação da empresa em outras causas sociais, utilizando disso como critério para escolher entre ela e suas concorrentes.

A comunicação gera engajamento com todos os públicos de uma empresa e fortalece sua imagem como uma organização socialmente responsável.

Construção de imagem

A construção da reputação de uma empresa, tem a comunicação como parte fundamental em estratégias de relações públicas.

A forma como a empresa se coloca é a forma como ela é vista e o único jeito de ser conhecida por todos. Por isso, com boas estratégias, é possível conseguir visibilidade e a construção de uma boa imagem no mercado.

Gerenciamento de crise

Em crises, a comunicação corporativa está relacionada à forma como a empresa se posiciona diante do problema.

Ela pode impactar de forma negativa ou positiva, por isso é preciso estruturá-la para a manutenção da confiança das partes interessadas na empresa.

Portanto, a transparência no posicionamento da empresa pode ajudá-la, na gestão de crises, a minimizar os impactos negativos.

Agora, uma pausa: já que estamos falando em construção de imagem e gerenciamento de crise, que tal aprender um pouco mais sobre estes assuntos? É só escutar o episódio do Tangerino Talks que dedicamos ao tema:

O que acontece quando a comunicação corporativa é ruim?

Mencionamos muitos motivos pelos quais uma empresa deve investir em sua comunicação: ela colabora com seu posicionamento de marca, auxilia na construção de identidade corporativa e organizacional, ajuda na contenção de crises e mais.

Mas, para além da necessidade da construção de uma comunicação de qualidade, é preciso pensar nos efeitos negativos de não investir nela. Aqui, mencionaremos alguns.

O primeiro deles é a falta de alinhamento nos setores da empresa, diante de informações inconsistentes, o que afeta a produtividade de toda a equipe. Além disso, a confusão na comunicação pode levar à falta de cooperação entre departamentos e funcionários.

A comunicação ruim também causar nos colaboradores o sentimento de desvalorização e de insatisfação. Afinal, é difícil sentir-se parte de uma organização que não os mantém informados e envolvidos nos processos internos.

Precisamos falar, ainda, que fora os prejuízos internos claros, relacionados à comunicação corporativa ineficiente, há aqueles externos, diante do público geral.

Um deles é a má reputação que pode ser causada por comunicações inconsistentes, que levam à desconfiança, mal-entendidos e a uma percepção negativa da empresa no mercado. Outro, é o agravante que a falta de uma boa comunicação pode gerar diante de crises já estabelecidas.

Aproveite a visita para conferir alguns artigos selecionados especialmente para você:

Nessas situações, a empresa precisa ser clara, assertiva, transparente. Do contrário, pode haver impactos negativos de difícil reparação na sua imagem. 

Ainda, diante de clientes, fornecedores e investidores, a empresa pode perder oportunidades de negócios, se não conseguir apresentar-se bem. É fundamental, por exemplo, saber explorar as qualidades de seus produtos ou serviços e apresentá-los de forma atraente.

A apresentação pode fazer toda diferença na hora do fechamento do negócio e pode ser ela a espantar ótimas parcerias em potencial.

Diante de todas as funções da comunicação corporativa e dos riscos de não investir nela, continue sua leitura para conhecer suas vantagens!

Quais as principais vantagens de ter uma comunicação corporativa na empresa?

comunicação corporativa

Por meio da comunicação corporativa a empresa dialoga com todas as partes interessadas nela, estabelecendo seus valores e reafirmando sua identidade.

Por isso, trabalhar para que ela tenha qualidade e seja eficiente traz uma série de benefícios ao negócio. E é sobre eles que falaremos aqui! Conheça os principais, abaixo.

  • auxilia na construção da marca e identidade da empresa
  • estabelece um diferencial competitivo
  • melhora o clima da organização
  • previne ruídos de comunicação
  • transmite e reforça a cultura organizacional

Auxilia na construção da marca e identidade da empresa

A comunicação corporativa é fundamental para o posicionamento da marca, já que através dela a empresa conquista melhor percepção do público, se destacando da concorrência.

Além disso, a transmissão de mensagens consistentes e coerentes ajuda no estabelecimento de uma marca sólida no mercado e memorável para aqueles que a conhecem.

Estabelece um diferencial competitivo

O público (interno ou externo) se afiniza mais com organizações que os compreendem e valorizam. E isso é perceptível a ele pela forma que a empresa tem de se comunicar, pelo tom de voz, pelos canais que ela escolhe. 

Adaptar a comunicação e os meios utilizados para fazê-la, torna a marca interessante e atrativa, destacando-a da concorrência.

Melhora o clima da organização

A comunicação interna da empresa, quando eficaz, reforça suas crenças, valores e cultura organizacional. Dessa forma, os colaboradores conseguem se alinhar a eles e sentirem-se incluídos.

Além disso, quando a empresa transmite mensagens claras, todos os envolvidos sabem o que esperar dela e o que ela espera deles. Consequentemente, isso gera confiança entre as partes e engajamento dos colaboradores.

Quer saber como fazer uma pesquisa de clima organizacional e saber, exatamente, o que é preciso mudar para tornar os colabores ainda mais engajados e unidos? É só conferir o vídeo abaixo que publicamos lá no Instagram da Sólides Tangerino:

Previne ruídos de comunicação

Ruídos são interferências que uma mensagem sofre da sua transmissão à sua recepção, fazendo com que ela seja mal compreendida.

O planejamento de uma comunicação assertiva consiste na reunião de informações de forma precisa, em uma linguagem clara e concisa.

Dessa forma, todos que recebem a mensagem conseguem interpretá-la corretamente, o que promove a eficiência na comunicação no ambiente organizacional.

Transmite e reforça a cultura organizacional

Quando a empresa consegue dominar sua forma de se comunicar, ela conhece a força da comunicação corporativa em estratégias bem estabelecidas.

Comunicar implica na criação de histórias e narrativas que consigam transmitir e difundir a missão e valores da empresa. Portanto, em reafirmar os comportamentos alinhados à cultura empresarial.

Quais os tipos de comunicação corporativa?

Como pudemos observar, comunicação corporativa é um conceito abrangente. Por isso, para compreendê-la melhor, precisamos falar dos seus diversos tipos, cada um deles relacionado às partes envolvidas na comunicação. São eles:

Saúde financeira e bem-estar no trabalho: Estratégias para melhorar a produtividade dos colaboradores e impactar os resultados do seu negócio, 27 de fevereiro de 2024 10h às 12h
  • Comunicação Institucional
  • Comunicação Mercadológica
  • Comunicação Externa
  • Comunicação Interna

Esta última, por sua vez, se divide em:

  • Comunicação Horizontal
  • Comunicação Vertical
  • Comunicação Circular
  • Comunicação Diagonal

Entenda um pouco mais sobre cada uma delas, abaixo.

Comunicação Institucional

Este tipo de comunicação está relacionado ao posicionamento da empresa diante da sociedade, à forma como ela é vista e à identidade de sua marca.

Através dela, a empresa transmite e reforça sua cultura e seus valores, trabalha sua reputação e visibilidade no mercado.

Por isso, é importante direcioná-la para que reste claro qual é a missão da empresa, seu compromisso e responsabilidade social.

Comunicação Mercadológica

A comunicação mercadológica, também conhecida por comunicação de marketing, está relacionada à forma como a empresa se posiciona comercialmente.

Portanto, ela está atrelada a estratégias de publicidade e às demais formas de a empresa alcançar seu público e gerar mais demanda.

Para ficar ainda mais claro: a comunicação mercadológica tem a finalidade de persuadir clientes e consumidores em potencial. Dessa forma, ela visa criar conexão com as pessoas e promover vendas.

Antes de continuar, confira alguns materiais ricos e gratuitos relacionados aos temas desse bate-papo:

Comunicação Externa

A comunicação externa também tem como objetivo alcançar o público externo à empresa. Entretanto, neste caso, ela abrange todos os públicos e seus objetivos não estão atrelados à venda, mas a construção de relacionamentos.

Ela se direciona, por exemplo, aos clientes, fornecedores, parceiros comerciais e órgãos reguladores.

Comunicação Interna

A comunicação interna é um tipo de comunicação corporativa cujo foco é o público interno, ou seja, os colaboradores, os diferentes setores da empresa e diferentes níveis hierárquicos. Para que ela seja excelente, é preciso se atentar o seguinte siclo:

Ainda sobre a comunicação interna, ela se divide em:

Comunicação Horizontal

Horizontal é aquela comunicação que acontece entre colaboradores ou setores de um mesmo nível hierárquico. Por meio delas, há troca de informações entre as equipes, para ações colaborativas em projetos.

Comunicação Vertical

Ao contrário da anterior, a comunicação vertical acontece entre colaboradores e departamentos de diferentes níveis hierárquicos. Ela se divide em descendente e ascendente.

Descendente, quando acontece de superiores para subordinados no intuito de comunicar metas, estratégias repassar regras ou informá-los de algo que possa ser relevante. Ascendente, quando são estes últimos que se comunicam com seus superiores dando feedbacks sobre trabalhos, fazendo sugestões, expressando preocupações ou tirando dúvidas.

Comunicação Circular

Também chamada de “comunicação sem nível”, esta comunicação acontece entre todo e qualquer colaborador ou setor da empresa, independente da hierarquia. Daí o nome “circular”, já que ela flui em todas as direções.

Por meio dela, é possível estimular que colaboradores e gestores compartilhem informações relevantes entre si, troquem experiências e colaborem com o crescimento mútuo.

Comunicação Diagonal

Para explicar este conceito, primeiro precisamos falar sobre hierarquia. A hierarquia em uma empresa é uma espécie de distribuição do poder, onde há um nível subordinado a outro. Por isso, há uma linha hierárquica dentro de cada setor de uma empresa (financeiro, RH, administrativo, etc.)

A comunicação diagonal acontece entre funcionários que não são do mesmo setor e possuem diferentes níveis hierárquicos em seus respectivos setores.

Todos os tipos de comunicação corporativa são importantes e é preciso integrá-los conforme o tamanho e as necessidades da empresa.

Como aplicar uma comunicação corporativa em uma empresa?

comunicação corporativa

Você já compreendeu o que é a comunicação corporativa, quais são seus tipos e vantagens de investir nela. Agora, saberá o passo a passo para aplicá-la, que é o seguinte:

  • defina seu público-alvo;
  • crie um tom de voz;
  • identifique seus objetivos com a comunicação;
  • selecione os melhores canais de comunicação;
  • desenvolva mensagens claras;
  • monitore os resultados;
  • reajuste suas estratégias.

Defina seu público-alvo

Antes de pensar na forma como a empresa vai se comunicar, é preciso saber com quem ela fará isso. Portanto, é preciso definir quem são as partes interessadas nela.

Por exemplo, seus clientes, fornecedores, investidores, colaboradores e outras.

Apenas sabendo quem são, reunindo suas características, será possível adequar a comunicação da empresa a eles.

Crie um tom de voz

O tom de voz é a forma como a empresa falará nas mensagens que transmitir. Ela pode ser mais descontraída, mais íntima, ou mais formal, séria. Pode transmitir proximidade e emoção, ou conhecimento, praticidade.

Entendendo quem é seu público-alvo será mais fácil definir como estabelecer uma comunicação com ele.

Identifique seus objetivos com a comunicação corporativa

A comunicação corporativa é sempre estratégica; por isso, é preciso pensá-la para alcançar os objetivos da empresa.

Por exemplo, ganhar reconhecimento no mercado (comunicação externa) ou engajar funcionários (comunicação interna).

Além disso, será preciso avaliar, após um período, se a comunicação alcançou os objetivos iniciais. Assim, é importante defini-los, para ter um parâmetro de comparação.

Selecione os melhores canais de comunicação

comunicação corporativa

A empresa deve se comunicar utilizando os mesmos canais que seu público-alvo. Não adianta, por exemplo, investir em conteúdo no Instagram, quando seus clientes estão majoritariamente no Facebook.

Em comunicações internas, por exemplo, é possível escolher entre mandar um e-mail e agendar uma reunião, ou oferecer treinamentos online, dentre uma série de opções.

O que determinará a escolha é a cultura organizacional da empresa e suas necessidades no momento.

Desenvolva mensagens claras

Já falamos um pouco sobre os ruídos e como eles interferem na recepção de uma mensagem. A melhor das intenções pode ser mal interpretada, se a escolha das palavras não for certeira.

Por isso é fundamental garantir que a mensagem seja compreensível e que não há espaço para interpretação errada.

Monitore os resultados

Como dissemos acima, é importante estabelecer objetivos claros, para saber se eles foram alcançados com a comunicação. Para isso, é preciso ficar atento aos feedbacks de quem recebeu a mensagem e como reagiram a partir dela.

Reajuste suas estratégias

Se for necessário, deve-se reajustar as estratégias de comunicação. Nesse caso, o ideal é começar este passo a passo do começo, refazendo todo o processo para identificar onde houve falhas, e corrigi-las.

Como melhorar uma comunicação corporativa?

Para melhorar a comunicação corporativa é preciso identificar quais são os ruídos presentes nela, para corrigi-los.

Faz parte da melhora colher e aceitar os feedbacks, dando abertura para que aqueles que recebem a mensagem possam respondê-la.

Além disso, em se tratando da comunicação interna, o ideal é que a empresa estabeleça formas de fortalecer a comunicação entre equipes e setores. Por exemplo, por meio de reuniões informais.

Já a comunicação externa precisa considerar a interação com os clientes, investidores e outras partes interessadas.

De qualquer forma, em todos os tipos de comunicação, é preciso definir o canal certo para transmitir a mensagem, considerando as preferências do público e a facilidade com a qual eles a receberão.

Também é importante garantir que os diversos públicos entendam o que está sendo dito. Para isso, nada melhor que simplificar a linguagem, de forma que todos compreendam.

Por fim, é preciso tratar a comunicação corporativa como um processo contínuo. Ou seja, é preciso adaptá-la sempre que mudarem as necessidades da empresa e de seu público, para que ela continue sendo eficaz.

Quais as ferramentas para uma boa comunicação corporativa?

Há diversas ferramentas de comunicação disponíveis para torná-la rápida e eficiente. Abaixo, falamos sobre as principais delas.

Para comunicação corporativa interna:

  • Reuniões e conferências, presenciais ou online
  • Murais de comunicação
  • Sistemas de comunicação interna

Para comunicação corporativa externa:

  • Redes sociais
  • E-mail marketing
  • Aplicativos

Reuniões e conferências, presenciais ou online

Reuniões possibilitam troca de informações e feedbacks de forma instantânea, assim como alinhamento de todos os participantes.

Murais de comunicação

Não importa se físicos ou digitais, os murais há muito são utilizados para transmitir comunicações importantes aos colaboradores. Basta deixá-los onde todos possam ver.

Sistemas de comunicação interna

Muitas empresas já adotam, em sua comunicação corporativa, sistemas internos, que possibilitam a troca de informações relevantes, documentos e atualizações entre setores e colaboradores.

Um exemplo de software que auxilia muito em uma comunicação fluida é o Sólides Tangerino, sistema com foco em reunir informações para o Departamento Pessoal, reduzindo a burocracia e otimizando o tempo do setor.

Redes sociais

Quase todo mundo está presente nas redes sociais; por isso, é importante que a empresa saiba usá-las a seu favor. Ser participativa e trazer temas relevantes para o seu público cria laços com ele e conexões memoráveis.

E-mail marketing

Os e-mails ainda são uma forma atual e potente de comunicação com o público. Se as pessoas já forneceram seu e-mail, estão prontas para estreitar seus laços com a empresa e receber informações ou promoções dela.

Aplicativos

O uso do smartphone é extremamente comum no mundo atual e as empresas já adotam aplicativos próprios. Por meio deles, é possível oferecer recursos exclusivos, como promoções ou programas de fidelidade.

Tire suas dúvidas sobre comunicação corporativa

Separamos algumas das principais dúvidas sobre comunicação corporativa, para respondê-las de forma rápida e simples. Acompanhe!

O que é comunicação corporativa?


A comunicação corporativa é aquela que acontece da empresa para seu público interno ou externo, por meio de estratégias eficientes de transmissão de informações. Ela deve refletir os valores da empresa e contribuir para a construção de sua imagem diante do seu público-alvo.

Para isso, é preciso conhecê-lo, adequar sua linguagem e escolher os canais de comunicação e ferramentas certos para a transmissão da mensagem.

Uma comunicação bem estruturada cria proximidade com o público externo e alinhamento interno na equipe, auxiliando no crescimento do negócio e na construção da marca.

Qual a importância da comunicação corporativa?


A comunicação corporativa é fundamental para que uma empresa se posicione diante do mercado e de seus colaboradores. Ela contribui para o posicionamento da marca, criação de identidade corporativa e organizacional, demonstração da responsabilidade social, construção de imagem e gerenciamento de crises.

Uma comunicação eficiente permite transmitir informações precisas, criar conexão com o público e manter a confiança das partes interessadas na empresa (interna ou externamente).

Quais os tipos de comunicação corporativa?


A comunicação corporativa é um termo que abrange diversos tipos de comunicação, conforme as partes envolvidas. São eles:

Comunicação Institucional: mostra o posicionamento da empresa, transmite seus valores e fortalece sua reputação no mercado.
Comunicação Mercadológica: relacionada a estratégias de marketing para alcançar e persuadir clientes, gerando demanda e promovendo vendas.
Comunicação Externa: focada em criar relacionamento com públicos externos, como clientes, fornecedores e órgãos reguladores. Não tem foco em venda.
Comunicação Interna: direcionada aos colaboradores e diferentes níveis hierárquicos da empresa. Dentro dela, ainda temos:
Comunicação Horizontal: entre colaboradores ou setores do mesmo nível hierárquico.
Comunicação Vertical: entre diferentes níveis hierárquicos; pode ser descendente (de superiores para subordinados) ou ascendente (de subordinados para superiores).
Comunicação Circular: troca de informações e colaboração entre todos os membros da organização, independentemente da hierarquia
Comunicação Diagonal: entre funcionários de diferentes setores e níveis hierárquicos dentro da organização.

Quais os benefícios da comunicação corporativa?


Os principais benefícios de investir em uma boa comunicação corporativa são:

ela auxilia na construção da marca e identidade da empresa;
estabelece um diferencial competitivo;
melhora o clima da organização;
previne ruídos de comunicação;
transmite e reforça a cultura organizacional.

Próximos passos…

Neste artigo você aprendeu o que é comunicação corporativa, entendeu suas funções na empresa, porque ela é importante e quais são as consequências de não investir nela.

Também conheceu os diferentes tipos de comunicação possíveis dentro da empresa e dela para com seu público externo.

Além disso, você viu como aplicar, na prática, a comunicação corporativa na sua empresa, ou otimizá-la, se você já a pratica. Para isso, mostramos algumas ferramentas úteis para agregar mais qualidade a ela.

Por fim, por meio de uma lista de vantagens, você percebeu como ela colabora para o sucesso do negócio.

Para que você continue aprendendo como investir no crescimento da sua empresa, acompanhe mais um dos nossos artigos, dessa vez sobre capacitação interna, e veja como pode se beneficiar dela!

Quer simplificar seu DP? É Sólides e Ponto!